segunda-feira, 14 de março de 2016

Com 450 mil pessoas, protesto contra Dilma em São Paulo supera Diretas Já

Cálculo de público foi realizado pelo Instituto Datafolha. Principais líderes da oposição protestam em São Paulo

Segundo o Datafolha, protesto na Avenida Paulista supera número de pessoas que participaram do ato pela Diretas Já / Foto: Agência Brasil

Segundo o Datafolha, protesto na Avenida Paulista supera número de pessoas que participaram do ato pela Diretas Já

Foto: Agência Brasil

Do JC Online

O protesto pelo impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) em São Paulo neste domingo (13), é a maior manifestação já realizada na cidade, segundo o Datafolha, que calculou 450 mil pessoas na Avendia Paulista por volta das 16h. O número supera a manifestação pelas Diretas Já, que reuniu 400 mil pessoas em 1984. Até agora, não foram registrados incidentes.
Segundo a Folha de S. Paulo, alguns manifestantes estão desistindo de ir ao protesto pela dificuldade de acessar a via. A Polícia Militar chegou a bloquear a Alameda Casa Branca, uma das ruas de acesso.

Os principais líderes da oposição participam do ato na Avenida Paulista, como o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB) e o senador mineiro Aécio Neves (PSDB), ambos virtuais candidatos à presidência em 2018.
Os deputados federais pernambucanos Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB) também participam do protesto na capital paulista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

TV MEGA NORDESTE

Postagens mais visitadas