terça-feira, 3 de outubro de 2017

Executiva da CBS é demitida após ironizar vítimas de massacre


  • Do R7, com agêcias

                                          Reuters
A emissora americana CBS demitiu nesta segunda-feira (2) a sua vice-presidente de negócios, Hayley Geftman-Gold, por causa de comentários inapropriados escritos por ela em sua página de Facebook, ironizando as vítimas do tiroteio mais mortal da história moderna dos Estados Unidos, que deixou pelo menos 59 mortos em Las Vegas.

Ela disse não estar sensibilizada com as mortes porque, segundo ela, a maioria das vítimas era simpatizante do Partido Republicano.
— Se eles não fizeram nada quando crianças foram assassinadas, não tenho esperança de que os republicanos jamais façam a coisa certa. Na verdade, nem tenho simpatia por fãs de música country porque eles são frequentemente republicanos.

Em nota, um representante da empresa confirmou a demissão da funcionária, após muitos apelos pela saída dela, feitos principalmente por meio das redes sociais.

— Esta pessoa, que estava conosco há aproximadamente um ano, violou os padrões de nossa empresa e já não é funcionária da CBS. Suas opiniões expressas nas mídias sociais são profundamente inaceitáveis ​​para todos nós na CBS. Os nossos corações estão com as vítimas em Las Vegas e suas famílias.

O americano Stephen Paddock, de 64 anos, fez ao menos 59 vítimas fatais e deixou 515 feridos, em Las Vegas, ao abrir fogo do 32º andar do hotel Mandalay Bay, na madrugada desta segunda-feira (2) em Las Vegas, durante o show Route 91 Harvest Music Festival, de música country. A tragédia mobilizou a população da região, que iniciou um mutirão de solidariedade, formando filas para doação de sangue, na tentativa de salvar os feridos no ataque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

TV MEGA NORDESTE