quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Criança raptada em Panelas e encontrada em Catende foi abusada sexualmente, diz médico

                                                                   Foto: Reprodução/Portal Nova Mais
Um caso que repercutiu muito nas redes sociais durante essa 
semana, foi de uma garotinha de apenas 3 anos de idade que foi raptada na cidade de Panelas, Agreste de Pernambuco, no último domingo (24/12). Centenas de internautas e diveras equipes policiais do estado se sensibilizaram com a situação e desespero dos familiares, e compartilharam um cartaz com a imagem da menina e um número para contato, com o intuito de localizar a menor.

Na noite dessa quarta-feira (27/12), a criança foi encontrada por um popular, identificado como José Alison da Silva, professor, 24 anos, na rua Monsenhor Abílio Galvão, bairro Jardim Diamante no município de Catende, Mata Sul de Pernambuco. De acordo com uma testemunha, a menina havia sido deixada por duas mulheres desconhecidas.

José Alison ainda contou, em entrevista exclusiva, que a menina estava bastante assustada. “Ela estava alterada. Quando a gente trouxe ela pra delegacia ela começou a chorar” disse o professor.

De acordo com informações do Dr. Flávio Augusto Andrade, que realizou a avaliação médica da vítima na Policlínica de Catende, os exames constataram que o hímen da garotinha havia sido rompido, mas que não sabia a data exata do estupro.

Em uma entrevista exclusiva com a reportagem do Nova Mais, o capitão Pedro Morais, da equipe do BEPI, contou que o responsável pelo sequestro havia sido o pai biológico da menor. “Ele disse que realmente tinha mandado duas pessoas para raptar a criança, mas que não sabia que ia dar tanta repercussão, pois ele acha que é pai”, disse o capitão. De acordo com Pedro Morais, o suposto pai teria cometido o crime para criar a menina, pelo fato da mãe não ter boas condições para oferecer a criança.

A família da criança já foi informada sobre sua localização. A vítima, já alimentada e bem vestida, foi levada à delegacia de Catende, e em seguida, encaminhada à delegacia de plantão de Palmares, Mata Sul do estado, onde está acompanhada de policiais e do Conselho Tutelar aguardando a chegada de seus parentes.

Entenda o caso

De acordo com informações da polícia, dois elementos aproximaram-se da casa onde a menor mora e pediram água a mãe da criança, que estava na porta da residência. A mulher saiu para buscar a água, e nesse momento, os criminosos raptaram a bebê.  as informações são do Portal Nova Mais

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Postagens mais visitadas