sábado, 27 de outubro de 2018

Bispo Edir Macedo move processo contra Hadadd por chama-lo de charlatão durante coletiva de imprensa



                                             Foto: Divulgação/Facebook
O líder e fundador da Igreja Universal do Reino de Deus Edir Macedo ingressou nessa semana com ações civis e criminais contra o candidato a presidente Fernando Haddad (PT).

Que segundo a Revista Consultor Jurídico Na esfera cível, Macedo pede que Haddad apague um tweet que fez com declarações contra o bispo, que se desculpe publicamente e que pague uma indenização de R$ 77 mil, o que equivale a 83 salários mínimos. 

Ainda no Âmbito criminal o bispo da IURD,  pede que Hadadd responda pelos crimes de discriminação e preconceito religioso.
O motivo da ação se deu por conta de uma coletiva que o petista deu logo após sair de uma missa católica ocorrida no último dia 12 de outubro na qual o candidato participou como ato de campanha. 

Nessa coletiva Hadadd teria afirmado que o dono da Record seria " um Fundamentalista charlatão " e que tem fome de dinheiro ".
Macedo disse que se sentiu difamado e injuriado por ter declarado seu apoio ao candidato Jair Bolsonaro do (PSL). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

TV MEGA NORDESTE

Postagens mais visitadas