segunda-feira, 1 de outubro de 2018

Laudo psiquiátrico aponta insanidade mental em agressor de Bolsonaro, diz jornal

Yahoo Notícias                                                                                                                                             

                               (Foto: Polícia Militar de Minas Gerais)
Avaliação psiquiátrica feita por um profissional particular apontou insanidade mental em Adélio Bispo de Oliveira, que agrediu o candidato Jair Bolsonaro (PSL) com uma faca no dia 6 de setembro em Juiz de Fora (MG).

De acordo com informações obtidas pelo Correio Braziliense, os exames, feitos a pedido da defesa, mostraram que Adélio sofre distúrbios que alteram sua percepção de realidade.

Com o laudo em mãos, a defesa vai solicitar que ele seja transferido para uma instituição psiquiátrica.

No primeiro inquérito, a Polícia Federal concluiu que Adélio agiu sozinho e por “divergências ideológicas” ao tentar matar Bolsonaro.

O candidato ficou quase um mês internado e teve alta no último final de semana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Postagens mais visitadas