quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Médico e estudante de medicina são indiciados por dopar e estuprar jovem no RJ

Crime aconteceu no fim de agosto em Petrópolis, na Região Serrana


                                            
A Polícia Civil indiciou nesta quarta-feira, o médico e o estudante de medicina suspeitos de dopar e estuprar uma jovem em Petrópolis, na Região Serrana. O crime aconteceu em agosto e a dupla foi presa no último dia 1º de outubro. 

De acordo com informações da 106ª DP (Itaipava), o inquérito foi concluído e encaminhado ao Ministério Público com pedido de conversão das prisões temporárias em preventivas. O médico residente foi indiciado por estupro e o universitário por participação no crime.

Ainda segundo a polícia, durante uma festa da faculdade, o médico deu um comprimido de ecstasy para a vítima e praticou sexo com ela sem o seu consentimento. 

A investigação da distrital descobriu que há provas que evidenciam que o estudante era o responsável por conseguir a droga que foi entregue para a vítima pelo médico, sem o conhecimento dela, fato este que foi determinante para o estupro de vulnerável, de acordo com a Polícia Civil. 

Na casa do médico, os agentes encontraram maconha, remédio tarja preta sem receitas e de uso controlado e um celular. Fonte: O DIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

TV MEGA NORDESTE

Postagens mais visitadas